quinta-feira, 11 de janeiro de 2007

Florença - Itália













2007.01.11 - Florença - Itália
Definitivamente o mais belo e marcante em Florença foi a forma forte e latente com a qual a maravilhosa arte dos gênios italianos está presente em cada canto da cidade. Tudo ali conspira para a arte, todas elas; música, arquitetura, pinturas, esculturas, etc... um ícone do Renascimento. Somente o fato de trafegar por ruas e praças onde as obras de grandes artistas era exposta ao ar livre já traz uma sensação fortíssima do quanto a cidade representou e ainda é referência no mundo das artes.






Minha chegada em Florença foi de trem, vindo direto de Veneza, uma viagem relativamente curta e bastante agradável, não pretendia ficar muito tempo na cidade, afinal a maior parte dos dias que me restavam estavam alocados para Roma, então fiz uma pequena bagagem de mão com roupas para 2 dias e deixei minha mala no locker na própria estação de trens, foi uma das melhores coisas que podia ter feito, pois me deu muita liberdade para me mover pela cidade. De cara, como não tinha hotel reservado, fui buscar um albergue disponível, desta vez não dei tanta sorte e fiquei em um bem afastado, mas que por sua vez possuia uma galera bem legal, alguns brasileiros, russos e italianos, que facilitaram a estadia.


Com estadia garantida segui o passeio, a primeira visita foi no Duomo de Santa Maria del Fiore perto do centro de Florença, o complexo da Piazza del Duomo é composto pelo Domo, um Batistério e um belíssimo Campanário. O Batistério é uma das contruções mais antigas da cidade, aproximadamente do século IX, tem seus portões exteriores todos trabalhados, entre eles os portões da parte leste chamados de Portões do Paraíso, feitos por Ghiberti, dentro dele muitos florentinos famosos foram batisado, como por exemplo Dante. O Domo, contruído por Brunelleschi sem andaimes, impressiona muito, tanto pelo seu tamanho como por sua beleza e riqueza de detalhes externa, além disso as pinturas do Juízo Final em seu interior são incríveis e merecem alguns bom minutos de observação, dali se pode também ter uma visão completa do Piso de Mármore trabalhado no interior do Duomo. Imperdível mesmo é subir ao seu topo e contemplar a beleza de Florença a partir de uma vista impecável da cidade no topo do Domo. Imperdível, além de exigir um bom preparo físico para subir todos os infinitos degraus até atingir o topo.

Saindo do Duomo, algumas esquinas mais se chega na Piazza della Signoria, uma agradável praça que abraça além de belas obras ao ar livre, entre elas uma linda fonte com a estátua de Netuno, o belo Palazzo Vecchio e a antológica galeria de arte Uffizi. O palácio ainda abriga a prefeitura da cidade e mantém seu  aspecto medieval, com interessantes obras de artes espalhadas por seu interior, fica difícil dizer sobre as obras pois o conteúdo renascentista é tão forte nesta cidade que tudo é muito rico. Assim mesmo, a galeria Uffizi se sobressai, com uma coleção espetacular de diversos artistas renascentistas e algumas das obras mais clássicas do mundo, caminhar por seus corredores e salas é muito agradável pois você está vendo a nata da produção de verdadeiros gênios da arte. Vale destacar as obras "O Nascimento de Vênus" de Botticelli, "A Sagrada Família" de Michelângelo e "Vênus de Urbino" de Ticiano. Espetaculares!

Ali ao lado da galeria está o charmoso rio Arno, com sua série de belas pontes. A mais famosa, a Ponte Vecchio, tem uma arquitetura bem típica com 3 arcos em seu centro, é datada do século XIV e fica cheia de vendedores ambulantes, além de ter um sem número de joalheirias. Para completar a viagem, não poderia partir sem visitar a clássica Galleria dell'Accademia principalmente, é claro, para ver bem de perto a obra prima de Michelangelo, Davi. Já havia escutado muitas estórias sobre esta escultura, assim como vistoe documentários na TV, mas garanto que é a escultura mais impressionante que já vi, realmente é perfeita, todos os detalhes de Davi parecem realmente dar vida à obra, detalhes como as veias nos braços e posição dos braços e pernas justificam a famosa frase de Michelangelo ao terminá-la: Parla!! Inesquecível a imersão cultural que traz um passeio em Florença, além de ser muito agradável caminhar por suas belas ruas e sentir no ar o peso histórico que elas possuem.



Um comentário:

  1. Adorei a definição do blog.
    Uma odisseia ímpar ver estas fotos.
    Parabéns

    ResponderExcluir