terça-feira, 15 de outubro de 2013

Punta del Este - Uruguai













2013.10.14 - Punta del Este - Uruguai
Realmente, assim como Cancun, Punta del Este é uma cidade completamente estruturada para acolher o turismo, tudo funciona muito bem e o crescimento da cidade ainda é notável, por onde você olha existe um novo mega hotel sendo construído, isso de ponta a ponta da cidade. Impressionante a demanda por turismo que há por ali, justificando todos os investimentos.

A cidade é muito bonita, pode-se fazer praticamente toda ela pela costa, passando pela Praia Mansa, cruzando a área do Porto e seguindo pela Praia Brava. Na Praia Brava está uma das atrações da cidade, a "La mano" com seus dedos saindo pela areia, bem legal e quanto mais de longe você vê mais parece que a mão está realmente saindo da areia. A região da Praia Mansa, diferentemente da maior parte da Prais Brava, tem calçadas longas para se caminhar e curtir a praia, é de verdade um lugar para relaxar.


Não ficamos para conferir a noite agitada em Punta del Este, mas pela quantidade de bares e restautrantes beira-mar que vimos parece ser justificada a fama. Os restaurantes ao lado do mar são um charme à parte, almoçamos perto da região portuária e valeu bastante a pena pelo visual. As coisas são caras em Punta del Este, não dá para esperar nada diferente pelo glamour que a cidade ganhou, então tem que estar preparado (ao menos psicologicamente), mas ao mesmo tempo dá para ficar tranquilo pois o serviços tendem a ser de qualidade.


La Mano
No final da tarde fomos para Punta Ballenas, mais no limite de Punta del Leste, para visitar a Casa Pueblo, um lindo hotel ao melhor estilo das casas gregas todas branquinhas frente ao mar.

Um lugar muito bonito, onde resolvemos ficar até o final para curtir nosso terceiro por-do-sol no Uruguai, este ainda mais especial pois com o sol se pondo no horizonte, as diversas cores que se formavam davam um efeito todo especial nas paredes brancas do Casa Pueblo. Inesquecível!!


Gostei do que vi em Punta del Leste, mesmo sendo em baixa temporada e, na verdade, não sei se na alta temporada conseguiria curtir igual. Muito bom!

Comida sugerida: Cordeiro assado (os uruguaios fazem muito bem!!)

Casa Pueblo

Ramblas en Punta

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Colonia del Sacramento - Uruguai












2013.10.14 - Colonia del Sacramento - Uruguai


No final do segundo dia alugamos um carro, aliás altamente recomendado alugar um carro no Uruguai, assim se pode explorar muito melhor as cidades e os arredores, vale a pena porque existem muitos pontos bacanas bem distantes entre sí, além de abrir a opção de visitar as cidades vizinhas a Montevideo mais tranquilamente.

Com o carro e ao som de Los Iracundos (grande banda uruguaia dos anos 60, de origem em Paysandu), fomos para Colonia del Sacramento com a indicação de que era parecida com Paraty, no Rio de Janeiro. A estrada é bem tranquila, 2 horas de viagem pela Carretera 1 e praticamente linha reta Montevideo-Colonia.
O que encontramos foi uma cidade muito linda, tranquila e cheia de supresas. As ruas, principalmente do centro antigo histórico, são subidas e descidas feitas de pedra (muito além do tradicional paralelepípedo, às vezes fica difícil até de caminhar), e vale muito a pena ficar andando e se perdendo em cada uma delas, com certeza vai acabar em um lugar bacana, no mar ou em um charmoso restaurante ou café. O tempo parece parar.


Existe a opção de alugar um carrinho de golfe, uma scooter ou bicicletas para fazer a cidade, mas na minha opinião o legal mesmo é desbravar andando e ficar livre e despreocupado com tudo.

Ali visitamos as ramblas beira mar e o porto da cidade, muito tranquilos e agradáveis, o clima ajudou muito e abriu um sol fenomenal com os pássaros dominando a paisagem, por onde você anda ouve inúmeros cantos de pássaros. Vale muito a pena caminhar sem destino pelas ruazinhas estreitas de Colonia, descobrindo as lojinhas, bares e cafés da cidade.


Os pontos altos do passeio foram o farol "El faro" da cidade, um belo exercício para se chegar no topo, com uma escadaria bem estreita bem no estilo europeu e uma linda vista da cidade como brinde aos esforçados de plantão; a Calle de los Suspiros com lojinhas bem bacanas e histórias bem sinistras sobre a origem do nome, a mais "thriller" é de uma mulher apaixonada que suspirava pelo retorno de seu amor e foi assassinada naquela rua, e desde então volta ali para assombrar as pessoas nas noites de la cheia... buuuuuuuuu...rs.




Na cidade existe uma muralha bem preservada, assim como um grande portão de entrada, datada da época na qual a cidade era muito disputada, onde seu domínio passou entre espanhóis e portugueses. Tudo bem perfeito e tranquilo, com certeza o fato de não estar em alta temporada ajudou muito a fazer todo o passeio sem disputar espaços a todo momento, recomendo este período para visitar o Uruguai.

Após uma pausa para o café da tarde, no final do dia, fomos para a praia e ficamos posicionados estrategicamente para ver nosso 2º por-do-sol no Uruguai, foi lindo demais!!

Música sugerida 1: Con la Misma Moneda (Los Iracundos)
Música sugerida 2: El Mundo Esta Cambiando (Los Iracundos)
Música sugerida 3: Cierra los Ojos (Los Iracundos)


Calle de los Suspiros
El Puerto

sábado, 12 de outubro de 2013

Montevidéu - Uruguai












2013.10.12 - Montevideo - Uruguai
Muito charmosa a linda capital uruguaia, ficamos absolutamente impressionados com Montevideo. Primeiramente um povo muito acolhedor, fomos bem recebidos quase na totalidade das vezes e a cidade apresenta um ar acolhedor que te conquista logo de primeira.

Praza de la Independencia
 
Nosso hotel estava localizado no centro da cidade, o que recomendo bastante, pois o centro, apesar de mais antigo e muitas vezes evitado por ser mais simples e com ar mais pobre, tem uma localização única onde se pode visitar os principais pontos turísticos e ainda bater bastante perna vasculhando "los rincones" da cidade.


A avenida 18 de julio corta o centro de fim a fim, e ali há uma série de lugares bacanas para conhecer, por um lado inicia pela Plaza de Independencia, um dos hot spots de Montevideo, cercado por lindos prédios do período colonial, pela entrada da antiga muralha que cercava a cidade há centenas de anos (só era possível acessar a cidade por uma ponte levadiça muito antigamente, como forma de proteção da cidade) e pelo belo Teatro Solis (há visitas guiadas para conhecer o interior).


Vale a pena caminhar por ali e, para quem tiver perna e energia, dá para caminhar rumo ao litoral no sentido do Mercado del Puerto que fica no bairro Cidade Vieja, imperdível, ali é possível conhecer e aproveitar a cozinha Uruguaiam à base de muito churrasco, ou "parrilla" como bem dizem. Comemos bem demais e precisamos de um guindaste para sair dali...rs... O mais legal é que você pode comer vendo a carne sendo assada sentado do balcão ou da própria mesa, bem diferente e irresistível se você chegar com fome, não dá!


Ainda no centro, mas seguindo pelo outro lado da avenida 18 de julio, existe uma enorme feira livre aos domingos, claro que passamos por lá e é impressionanante o tamanho da feira, pega muitos quarteirões, e se vende de tudo ali, o interessante é ver mais a cara do povo uruguaio por ali e entrar um pouco na rotina deles, muito legal e saímos com compras. No centro existem diversas opções para comer, aproveitamos diversos bares/restaurantes dali e tudo vai conforme o tamanho da fome; cHivitos (uma espécie de X tudo) cai muito bem, mas atenção para o tamanho do prato, vale a pena pedir somente um e dividir em 2 pessoas, é enorme!!! Dale, dale, daaaaale colesterol!!! Além de comer se pode partir para a jogatina bem fácil em Montevideo, são muito cassinos espalhados pela cidade, logicamente fomos para um para sentir o clima, como sempre estatisticamente você vai perder, e é o que aconteceu, mas fomos controlados e no final ainda mandamos um "all in" na roleta em cima do ímpar e... ganhamos!! Hahaha foi pouco mas equilibrou a conta e sobrou emoção...rs.






Igualmente imperdível é caminhar por uma, ou várias, das diversas Ramblas da cidade. Escolhemos uma perto do bairro de Pocitos, onde havia um parque de diversões e uma ampla calçada, perfeita para contemplar nosso primeiro Por-do-Sol no Uruguai, que lindo!!! É divertido também ver os uruguaios para cima e para baixo com uma garrafinha térmica debaixo do braço e tomando um mate, é muito tradicional ali e ficam sentados ou caminhando sempre a beber. Alugamos um carro, e isto nos permitiu percorrer todas as Ramblas bem tranquilamente, então pudemos ver outros locais, cassinos e pontos turísticos, realmente vale a pena ter o carro. Bela cidade é Montevideo, e os uruguaios são muito acolhedores. Recomendo demais!


























Cervejas: Nortenha, Patricia, Pilsen, Zillertal
Comida sugerida: Chivito, Bife de Chorizo, Hamburguesa, Jamón (Ibérico, Serrano), Tortillas